Budismo - Sangha Online
DÚVIDAS SOBRE O BUDISMO?

Registre-se e nos envie sua pergunta que talvez possamos ajuda-lo, independente de sua religião!
Todos são bem-vindos para dialogarem e pesquisarem aspectos do Budismo. Registrando-se você poderá enviar suas dúvidas particularmente à Administração ou à Comunidade, como exemplos:

No Budismo não podemos ter desejos?
Como o Buddha comia carne? E o vegetarianismo?
O Nirvana é o vazio? É eterno e é uma extinção do ser?
O que significa não-eu? O Budismo é niilista?
O que é prazer no Budismo? E paz interior?
Budismo crê em Devas, logo ele é Politeísta?
No Budismo nos isolamos? Como se relacionar com pessoas?
Como meditar? Budismo crê em super-poderes?!
Posso praticar sem crer no renascimento?
Budismo é religião ou filosofia? Por que há tanta idolatria?


Dialogue sobre essas e outras questões aqui.


Comunidade dedicada a simpatizantes e seguidores (de todas as escolas) do Budismo, visando à pesquisa e ao diálogo. Participe!
 
InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Se você já se registrou, apresente-se aqui e tire suas dúvidas sobre Budismo!
Registre-se para expor seus pontos de vista - isso independe de sua religião!
Bem-vindo
Bem-vindo ao Fórum Sangha Online!

Registre-se para dialogar com outras pessoas interessadas no Budismo e para ter acesso a todo o conteúdo para pesquisa sobre o mesmo.

Qualquer dúvida, ficaremos felizes em ajudar!
Últimos assuntos
» Grupo, sobre Budismo, no Whatsapp
por  matheus_ps
Ter 25 Jul 2017 - 0:26

» O Samsara
por  Erick
Qua 28 Jun 2017 - 12:46

» A Meditação e o Mosquito: Uma Reflexão Sobre Concentração e Virtude
por  Erick
Qua 28 Jun 2017 - 12:41

» A descrição de Arahants e Ariyas para Nirvana
por  Administrador
Dom 11 Jun 2017 - 8:07

» Bom dia - pergunta
por  Erick
Qui 1 Jun 2017 - 8:25

» Oferendas
por  Administrador
Sab 13 Maio 2017 - 13:54

» Meditação altera genes
por  Administrador
Sab 13 Maio 2017 - 13:16

» Sobre este Fórum: Fale sobre sua Experiência Meditativa
por  Administrador
Sab 13 Maio 2017 - 13:03

» Quem somos - Objetivos do Fórum
por  Administrador
Sab 13 Maio 2017 - 12:53

» Nova Tradição Kadampa [+Seita?]
por  Nyendrag Yeshe
Qua 10 Maio 2017 - 22:40

Geral
Quem somos
Regras Gerais
Apresente-se
Precisa de ajuda?
Por que Sangha Online?
O Básico do Budismo
Introdução ao Budismo
A Vida de Buda
Tire suas Dúvidas!
O que o Budismo não é
Como meditar
5 Preceitos para Virtude
Meditação altera genes
Dúvidas Frequentes
Budismo é religião?
Budismo é ateísta?
Como virar budista?
O que é Fé no Budismo?
Preciso ser vegetariano?
O que significa o Lótus?
Votação
Atualmente, qual preceito você tem mais dificuldade para manter?

 
Abstenção de matar intencionalmente.

 
Abstenção de tomar o que não foi dado (roubar).

 
Abstenção de conduta sexual imprópria.

 
Abstenção de linguagem incorreta.

 
Abstenção de tomar álcool e outros embriagantes.
Exibir resultados
Quem está conectado
2 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 2 Visitantes

Nenhum






Compartilhe | .
 

 Budismo tantrico Vajrayana

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Convidado

avatar


Mensagem Sex 1 Nov 2013 - 10:19

Bom dia Sangha.

A pouco mais de um ano tentei iniciar no budismo através da escola soto zen, acabei me afastando por conta do foco desta tradição o zazen, como tenho uma má formação na coluna as praticas de zazen se tronaram uma tortura pra mim 45 min de desconforto e dor nas costas mas aprendi que o sofrimento faz parte da vida rs. Recentemente descobri que existe uma vertente se é assim que podemos disser do Vajrayana que é chamado de budismo tântrico. Como gosto muito dos ensinamentos do dharma e também de coisas esotéricas acho que essa linhagem para mim seria a ideal, estou a procura de uma escola em são paulo que tenha essas características não precisa ser necessária mente "budismo tântrico" e sim algo para quem não pretende seguir a vida monástica de renuncias e sim viver melhor e ajudar ao próximo.

Agradecimento
Voltar ao Topo Ir em baixo
Administrador

Admin
avatar

Masculino
Local : SP
Define-se budista? : Sim
Mensagens : 472

Mensagem Sab 2 Nov 2013 - 10:12

Olá Junior, bem-vindo ao Fórum! Feliz 
Você já experimentou fazer Zazen em uma posição que não fosse a sentada de pernas cruzadas? Algumas pessoas usam um banquinho ou sentam numa cadeira devido a problemas na coluna, no mosteiro em que você foi não havia essa opção?

Veja que na primeira a moça está apoiada sobre um pequeno banquinho, sendo que suas pernas passam por debaixo desse banco. No segundo caso, senta-se numa cadeira, costas eretas e sem encostá-las nas costas da cadeira. Já experimentou?
De qualquer maneira, você vai encontrar a meditação sentada na tradição tântrica também. Busque conciliar melhor seus problemas com alguma posição e conheça melhor o seu corpo.
Mas se você preferir mudar de Escola, fica a seu critério! Na verdade, Budismo Vajrayana = Budismo Tibetano = Budismo Tântrico = Budismo Mantrayana. Se eu falar que sigo a Vajrayana e você o Tântrico, então seguimos a mesma Escola, são apenas palavras diferentes para uma mesma Escola do Budismo. Agora, a Escola Tibetana se divide em quatro tradições básicas: Gelug, Sakya e não lembro as outras duas.
De fato o Budismo Tibetano é mais esotérico, só que nele também haverá um pouco da meditação sentada. Em todas as Escolas Budistas haverá meditação e um estilo de vida social, além do monástico, focado no fazer o bem. De fato o Zen foca bastante em Zazen, então pode ser que você se sinta melhor no Tibetano, Vajrayana ou Tântrico mesmo rs.
Clicando aqui você pode ter acesso aos sites de praticamente todos os Centros Budistas do Brasil. Vá no estado de SP e você verá vários centros tibetanos. Não vou saber te indicar um especial, porque não tive contato com esses centros, mas a CEBB São Paulo é famosa, guiada pelo Lama Padma Santem. Você pode ver vídeos dele no Youtube. Dê uma olhada e continue nos dizendo como você está em sua busca! Reverência 
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://sangha-online.forumeiros.com
Convidado

avatar


Mensagem Seg 4 Nov 2013 - 11:04

No templo que frequentava tinha cadeira sim, mas a partir da quinta aula de zazen o instrutor recomendava não utiliza-la, na verdade nunca utilizei desde a primeira aula sempre fiquei em meio lótus no zafu, prefiro deixar as cadeiras disponíveis para os outros alunos.
 As aulas para iniciantes na minha opinião eram muito puxadas 45 zazen 15 kinhin 45 zazen entrou não sai mais, acho que é muita coisa para quem esta iniciando, parei de ir ao templo e comecei a meditar em casa mesmo, com uma sessão de menor duração 30 min.
Mas sinto muita falta de praticar em grupo, e de recitar o sutra do coração da perfeição da sabedoria confesso que em casa não é a mesma coisa mesmo com toda a dor percebi que a me distraia com menos frequência e a minha clareza mental era maior.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Administrador

Admin
avatar

Masculino
Local : SP
Define-se budista? : Sim
Mensagens : 472

Mensagem Seg 4 Nov 2013 - 21:31

Realmente é um pouco puxado, e essa é até uma característica do Zen. O fato é que no começo, geralmente, nem é meditação que se faz, é mais uma resistência. Você se força a se sentar algumas vezes até o seu corpo se assentar, e só então você começa a fazer, de fato, meditação.
Eu mesmo não fazia bem meditação no começo. Sentei muitas vezes e me mantive sentado mais tempo do que queria, eu transpirava, minhas pernas tremiam, mas eu fiquei por um tempo, até que eu me acostumei melhor com a meditação sentada. Então, no começo se requer paciência mesmo.
O problema é a sua má formação na coluna, você deveria ver melhor sobre isso. Também deveria usar a cadeira, que tal experimentar? Fale também com o monge do centro sobre isso.
Começar com a posição de lótus pela metade pode ser puxado para alguns iniciantes, eu mesmo precisei de um tempo para fazer meio-lótus, eu comecei com a posição birmanesa, que é bem confortável:
Coloque o pé esquerdo encostado na coxa direita, pousando o pé no chão. Coloque a perna direita a frente, tentando manter o joelho encostado no chão. Essa é mais simples para iniciantes.
Pesquise melhor sobre sua coluna, mas no começo chega a ser doloroso mesmo. O problema é que você precisa conhecer seus limites!
A prática em comunidade faz falta a muitas pessoas mesmo, mas isso pode ser um empecilho e até um apego da sua mente! Recite o Sutta do Coração da Sabedoria e deixe de lado o sentimento de solidão, ou saudade de estar falando com um grupo, ou de ouvir os outros recitando com você. Recite focado em sua mente - qual o significado desse Sutta? Qual o significado do legado deixado pelo Buda? Qual o valor do Dharma? Qual a ajuda oferecida pela Sangha? Perceba a preciosidade das 3 Joias! Mentalize as virtudes do Buda, estimule uma gratidão!
"Todos os Budas no passado, presente e futuro, graças a esta Perfeita Compreensão, atingem a Iluminação completa, perfeita e universal." - enquanto diz isso, estimule um sentimento de admiração por essa "Perfeita Compreensão". O que isso significa? A capacidade de ver a vacuidade e impermanência em tudo e, assim, ser capaz de apreciar todos os eventos da vida, sem se apegar a eles. Perceba o significado dessa liberdade, dessa paz, de Nirvana! Agradeça ao Buda, ao Dharma, a Sangha. No Theravada, chama-se esse sentimento de "Pasaada", é um sentimento de inspiração que eleva nossa confiança nos ensinamentos do Buda, porque reconhecemos seu valor e demonstramos nossa gratidão por isso. Uma mente alegre é o ponto de partida para a unificação na meditação.
A prática em comunidade é muito frutífera, mas se não puder fazê-la, não desanime - estimule sua mente! Faça o esforço correto de abandonar essa "nostalgia", o esforço correto de evitar essa "nostalgia", o esforço correto de gerar essa "inspiração", o esforço correto de desenvolver essa "inspiração". Então, medite.
Conheça melhor o seu corpo e seu problema de coluna. Não desanime. Faça sua mente mais leve e alegre - essa é a mente ideal para a meditação. Veja a impermanência em tudo: ora meditando sozinho, ora com amigos. Não se apegue. Tente se conhecer melhor e, talvez, você possa sim voltar à comunidade, ou ir a uma tibetana. Experimente as outras posições.
Mais importante de tudo: não desista. No começo estamos tateando no escuro, mas chega um momento em que tocamos uma pequena lanterninha, nesse momento nossa compreensão começa a crescer. Com essa lanterninha encontramos outra maior, e assim seguimos buscando enxergar melhor as coisas. Só que, para isso, um esforço deve ser feito para procurar essas lanternas, mesmo no escuro! Um esforço deve ser feito, mesmo que você esteja perdido, tateando no escuro. Tente não desistir, continue tentando. O que acha?
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://sangha-online.forumeiros.com
Convidado

avatar


Mensagem Qua 6 Nov 2013 - 23:31

Nao pretendo desistir mas sim conhecer outras sanghas estudar em casa pela internet para mim tem sido uma tarefa complicada, me perco em um mar de informações, varias linhagens a cada dia que passa me deparo com mais e mais escolas algo muito confuso para um libriano descidir por onde recomecar rs
Voltar ao Topo Ir em baixo
Administrador

Admin
avatar

Masculino
Local : SP
Define-se budista? : Sim
Mensagens : 472

Mensagem Qua 6 Nov 2013 - 23:46

Confio que esse libriano encontrará uma boa tradição rs
Realmente, o número de Escolas - Tradições - Linhagens no Budismo é imensa. Você já deu uma olhada nesse tópico: A que escola pertenço?? Pode te ser útil!
Eu gosto de resumir assim: Budismo é majoritariamente divido em Theravada - Mahayana.
Cientistas da Religião separam do Mahayana o Zen e a Vajrayana (Tântrico ou Tibetana), porque são Escolas ricas e peculiares que vale a pena separar do outro grupo de escolas Mahayana, então: Theravada - Mahayana - Zen - Tibetana.
Em cada Escola há tradições. Na Theravada tem a tradição birmanesa, tradição das Florestas da Tailândia, tradição vipassana, tradição Dhammayut; na Zen tem a tradição Soto, Rinzai; na tibetana tem Gelug, Sakya, e por aí vai.
Cada tradição tem uma linhagem. Na Theravada tem a linhagem de Ajahn Maha Boowa, do venerável Ajahn Chah, outra do Ajahn Lee; no Zen aqui no Brasil, a monja Coen é de uma linhagem, monge Genshô da linhagem de Saikawa Roshi, e assim vai.
Podemos resumir assim: Duas ramificações -> Quatro ramificações gerais (3 Escolas e a Mahayana, conjunto de Escolas) - Tradições - Linhagens
Vá com calma e compartilhe suas informações e dúvidas conosco, quem sabe podemos ajudar!
Eu também pesquisei muito, e mesmo depois de escolher a Theravada, passei um tempo cético se tinha feito a escolha certa. Fiz a escolha baseado em pesquisa, agora tinha que praticar para estar inteiramente seguro da escolha. Hoje estou Pulando e aplaudindo 
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://sangha-online.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado



Mensagem

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Budismo tantrico Vajrayana

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

 Tópicos similares

-
» Budismo
» Projeção do Ego

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Budismo - Sangha Online :: Comunidade :: Tire suas dúvidas sobre o Budismo-