Budismo - Sangha Online
DÚVIDAS SOBRE O BUDISMO?

Registre-se e nos envie sua pergunta que talvez possamos ajuda-lo, independente de sua religião!
Todos são bem-vindos para dialogarem e pesquisarem aspectos do Budismo. Registrando-se você poderá enviar suas dúvidas particularmente à Administração ou à Comunidade, como exemplos:

No Budismo não podemos ter desejos?
Como o Buddha comia carne? E o vegetarianismo?
O Nirvana é o vazio? É eterno e é uma extinção do ser?
O que significa não-eu? O Budismo é niilista?
O que é prazer no Budismo? E paz interior?
Budismo crê em Devas, logo ele é Politeísta?
No Budismo nos isolamos? Como se relacionar com pessoas?
Como meditar? Budismo crê em super-poderes?!
Posso praticar sem crer no renascimento?
Budismo é religião ou filosofia? Por que há tanta idolatria?


Dialogue sobre essas e outras questões aqui.


Comunidade dedicada a simpatizantes e seguidores (de todas as escolas) do Budismo, visando à pesquisa e ao diálogo. Participe!
 
InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Se você já se registrou, apresente-se aqui e tire suas dúvidas sobre Budismo!
Registre-se para expor seus pontos de vista - isso independe de sua religião!
Bem-vindo
Bem-vindo ao Fórum Sangha Online!

Registre-se para dialogar com outras pessoas interessadas no Budismo e para ter acesso a todo o conteúdo para pesquisa sobre o mesmo.

Qualquer dúvida, ficaremos felizes em ajudar!
Últimos assuntos
» Apresentação
por  Nove
Ter 12 Dez 2017 - 23:39

» Sobre este Fórum: Dúvidas sobre o Budismo
por  Nove
Ter 12 Dez 2017 - 23:00

» Cosmologia budista Dúvidas
por  William - Admin
Ter 12 Dez 2017 - 20:55

» Sutra de Lótus / BSGI
por  William - Admin
Ter 12 Dez 2017 - 20:14

» Grupo, sobre Budismo, no Whatsapp
por  brunoc.araujo
Sex 24 Nov 2017 - 13:49

» preciso de um esclarecimento aqui, por favor
por  William - Admin
Qua 22 Nov 2017 - 21:02

» [Vídeo] O Fim do Mundo: Vidamorte
por  jean F Carvalho
Sab 28 Out 2017 - 22:10

» FELIZ NATAL! Mas... Budistas podem comemorar o Natal?
por  frank Knarf
Seg 16 Out 2017 - 11:14

» apresentaçao
por  William - Admin
Sab 14 Out 2017 - 20:23

» Dharma e Lamrim
por  William - Admin
Dom 1 Out 2017 - 23:20

» Dúvida sobre a NÃO ação
por  William - Admin
Dom 1 Out 2017 - 23:11

» Caridade baseada em desejos mundanos
por  William - Admin
Dom 1 Out 2017 - 22:57

Geral
Quem somos
Regras Gerais
Apresente-se
Precisa de ajuda?
Por que Sangha Online?
O Básico do Budismo
Introdução ao Budismo
A Vida de Buda
Tire suas Dúvidas!
O que o Budismo não é
Como meditar
5 Preceitos para Virtude
Meditação altera genes
Dúvidas Frequentes
Budismo é religião?
Budismo é ateísta?
Como virar budista?
O que é Fé no Budismo?
Preciso ser vegetariano?
O que significa o Lótus?
Votação
Atualmente, qual preceito você tem mais dificuldade para manter?

 
Abstenção de matar intencionalmente.

 
Abstenção de tomar o que não foi dado (roubar).

 
Abstenção de conduta sexual imprópria.

 
Abstenção de linguagem incorreta.

 
Abstenção de tomar álcool e outros embriagantes.
Exibir resultados
Quem está conectado
3 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 3 Visitantes

Nenhum






Compartilhe | .
 

 Dúvida sobre a NÃO ação

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Pedro

Discípulos
avatar

Masculino
Define-se budista? : Não
Mensagens : 4

Mensagem Ter 26 Set 2017 - 21:45

Olá, já refleti bastante sobre isso mas ainda não me convenci.
Basicamente é o seguinte, vamos supor que alguém espere algo de você, mas você simplesmente não quer fazer, e a pessoa fica chateada com você, o que o budismo pensa sobre isso?
Ainda nesse sentido, e se o que a outra pessoa espera de você for uma coisa com intenções egoístas dela? Se fizer mal a alguém? Se for uma crença dela, equivocada, e ela acha que isso será para o bem de todos? E se isso REALMENTE for uma atitude para o bem de todos?
Obrigado!
Voltar ao Topo Ir em baixo
DiegoCB

Discípulos
avatar

Masculino
Define-se budista? : Sim
Mensagens : 3

Mensagem Sex 29 Set 2017 - 17:06

Olá, não sei se sou apto para lhe ajudar, mas vou (com humildade) tentar responder seu questionamento. Pela pergunta ficou muito generalizado a dúvida, mas se você não tem vontade de realizar um pedido, acho que não o deve fazer. É melhor fazer algo com vontade e assim com diligencia a fazer algo de modo preguiçoso. Segue um trecho do texto que achei no Dhammapada, Capítulo 12. 
" Que ninguém negligencie o seu próprio bem-estar por causa de outra pessoa, seja qual for a sua grandeza. Entendendo claramente o bem para si próprio, que a pessoa se preste ao bem."

Talvez isso responda seu questionamento. Que você consiga encontrar a sabedoria  Grato
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pedro

Discípulos
avatar

Masculino
Define-se budista? : Não
Mensagens : 4

Mensagem Dom 1 Out 2017 - 10:44

Obrigado pela reposta. Realmente está muita vaga essa minha pergunta, mas a ideia era justamente abranger várias situações.
Concordo que eu tenho que zelar pelo meu bem estar, porém, é difícil perceber até onde vai o egoísmo.
Lendo outros tópicos, estou entendo que eu devo sempre me perguntar se essa atitude será benéfica. Porém, mesmo assim, ainda é difícil julgar se a ação será benéfica.
E no caso de julgar que a ação não será benéfica, e eu resolver não fazer. A outra pessoa ficará chateada...
Enfim, não sei se me expressei bem. Talvez esteja me faltando mais sabedoria mesmo, e ainda tenho um longo caminho a percorrer, mas esse fórum está ajudando bastante.Feliz
Voltar ao Topo Ir em baixo
William - Admin

Admin
avatar

Masculino
Local : SP
Define-se budista? : Sim
Mensagens : 494

Mensagem Dom 1 Out 2017 - 23:11

Pedro escreveu:
Olá, já refleti bastante sobre isso mas ainda não me convenci.
Basicamente é o seguinte, vamos supor que alguém espere algo de você, mas você simplesmente não quer fazer, e a pessoa fica chateada com você, o que o budismo pensa sobre isso?
Ainda nesse sentido, e se o que a outra pessoa espera de você for uma coisa com intenções egoístas dela? Se fizer mal a alguém? Se for uma crença dela, equivocada, e ela acha que isso será para o bem de todos? E se isso REALMENTE for uma atitude para o bem de todos?
Obrigado!

Puxa... me parece que você é uma pessoa esforçada em pôr os ensinamentos em prática na vida diária...  Parabéns! Aplausos
Parece que você está investigando bastante sobre como aplicar os ensinamentos de intenções benéficas no dia a dia... não desista com esses esforços, essas investigações são muito valiosas e aprendemos muito com isso, inclusive quando compartilhamos experiências em um espaço como esse e recebemos contribuições como do nosso amigo DiegoCB.
Bom, uma contribuição que gostaria de oferecer é que vale investigarmos e verificarmos que muitas vezes, mesmo que cultivemos intenções benéficas, não seremos bem vistos pelos outros. Isso é normal.
Afinal, fazer algo prejudicial para satisfazer nossa necessidade de agradar aos outros não é algo correto, não é? Não estamos aqui para agradar aos outros, estamos aqui para purificar a mente e o coração. Aliás, todos nós estamos e podemos fazer isso...

O Buddha dizia que mesmo que ele descobrisse que os ensinamentos espirituais fossem contra os ensinamentos do mundo ou a opinião da maioria, ele seguiria os ensinamentos espirituais... essa é uma convicção muito bonita. Já parou para pensar que o melhor que você pode fazer pelos outros pode fazer com que você seja mal visto? Aliás, já parou para perceber que isso é potencialmente verdadeiro?

Veja bem... por que tantas pessoas sofrem no mundo? Por que não há tantas pessoas iluminadas ou sábias por aí? Porque a maioria de nós cultiva as causas para o sofrimento, pensando que vamos conseguir felicidade, não é? Então, a maioria está vendo as coisas de forma errada, não é?

Se formos pela opinião da maioria, o que vamos fazer é gerar mais sofrimento. Porém, se seguirmos os ensinamenos que levam ao desenvolvimento da mente, iremos contra a maioria. O que fazer?

O essencial são as intenções que cultivamos no coração. Às vezes fazemos algo que será benéfico para a outra pessoa e ela não compreende isso, e por isso acaba se chateando e nos agredindo. Não faz mal. Se houver essa convicção no coração de que fizemos o que era benéfico, não sentiremos remorso e não precisaremos sentir raiva da outra pessoa.

Da mesma forma, se alguém quer que façamos algo, duvidando que nós vamos fazer aquilo, como exemplo... e nós percebemos que aquilo pode ser benéfico a várias pessoas e então fazemos aquilo, não devemos nos deixar contaminar pela ideia de que "Vou fazer isso para provar para fulano que sou capaz de fazer isso". Não é este o ponto, não é isso que importa. A questão é: isso é benéfico ou não? Se não for, não faça. Se for, faça. Não importa provar ou não algo para a outra pessoa, ou agradar a outra pessoa. A questão são as intenções por trás de suas ações. Isso é Karma.

Pode ser que ao fazer aquilo, a pessoa fique abismada, dizendo não acreditar que você seria capaz de fazer aquilo... Se você não tiver Atenção Plena, a mente pode se contaminar por sentimentos de orgulho, arrogância ou ignorância... Mas se a mente estiver atentar, ela não vai valorizar essas opiniões alheias porque ela estará ciente que você fez aquilo não para provar algo a alguém, mas sim para beneficiar alguém. Esse deve ser o julgamento que devemos empreender ao decidir alguma coisa. Se a outra pessoa terá compreensão correta ou equivocada disso, não depende muito de você. É importante você tentar ajudar a outra pessoa a abandonar a sua percepção errônea das coisas, mas não depende 100% de você. Cada um deve trilhar seu próprio caminho, e cada um tem seu próprio tempo de aprendizado. Não devemos tentar forçar as pessoas a serem diferentes. Façamos o que é benéfico, e deixemos que cada pessoa se desenvolva a seu próprio tempo. Isso é ser honesto com o caminho, ser bondoso com as pessoas, e cultivar os fatores para que a mente siga contente, livre do remorso, e firme na virtude. Mas é difícil, né? Nós sempre estamos misturando nossa intenção de agradar o Dhamma com a intenção de agradar os outros...  Confuso Por isso essas investigações que você está fazendo são boas... porque ajudam a compreender cada vez mais profundamente as verdadeiras motivações que movem a mente.  Feliz
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://sangha-online.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado



Mensagem

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Dúvida sobre a NÃO ação

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

 Tópicos similares

-
» Dúvida sobre cálculos (Motor elétrico)
» Dinâmica - Dúvida sobre os ângulos
» Velocidade das ondas de rádio em relação à luz no espaço. (dúvida sobre comunicação)
» Astronauta brasileiro fala sobre a vida sobre a Terra.
» Dúvida sobre questão QUEDA LIVRE.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Budismo - Sangha Online :: Comunidade :: Tire suas dúvidas sobre o Budismo-